27 de jan de 2017

De clássicos da literatura nacional e internacional a livros raros do acervo da USP Saiba Mais


Livros digitais, ou e-books, têm se tornado cada vez mais comuns. Com eles, as pessoas podem ler a partir da tela do celular, tablet ou computador, além de plataformas específicas de leitores digitais. Mas, uma coisa é certa: digital ou não, os livros são capazes de nos fazer vivenciar inúmeras aventuras, além de cooperar com a nossa educação e intelectualidade.
Então, se você é cibernético e não perde uma boa leitura por nada, fique atento e anote os seis sites que oferecem mais de 100 mil livros grátis para download. Neles você, com certeza, vai encontrar diversas obras para baixar sem nenhum custo.

Open Library
Com o objetivo de catalogar todos os livros do mundo, no Open Library é possível encontrar obras de José de Alencar, Monteiro Lobato e Machado de Assis. Nele você também encontra obras de autores de outros países.
Portal Domínio Público
O Portal Domínio Público, como o nome sugere, disponibiliza informações e conhecimentos de forma livre e gratuita, a fim de incentivar o aprendizado, a inovação e a cooperação entre os geradores de conteúdo e seus usuários. Nesse site é possível encontrar livros em diversas línguas, e mais de 2 mil obras em português.
Projeto Gutemberg
Oferece quse 40 mil livros eletrônicos gratuitos. A escolha pode ser baixada em formato e-pub ou kindle. Com a ajuda de parceiros, o site oferece mais de 100 mil publicações.
eBooks Brasil
Nada chamativo e bastante simples, o site é fácil de ser utilizado, além de ter um acervo bastante diversificado. Antes de baixar o livro e ter acesso a ele é necessário escolher primeiro o formato desejado para depois navegar pelos links das obras.
Obras raras da USP
No Sistema Integrado de Bibliotecas da Universidade de São Paulo as obras são raras e, por isso, o acervo é bem pequeno, se comparada com outros sites. Com apenas 30 livros, trata-se de edições especiais que reúnem imagens raras. Vale a pena conhecer.
WikisourceÉ biblioteca da Wikipedia, com acervo digital de livros e textos que estejam em domínio público ou possam ser usados livremente. São mais de 27 mil títulos disponíveis, organizados por correntes literárias, país e data.
Agora não existe mais desculpa para ficar sem ler um bom livro. Acesse os sites indicados e escolha quais obras pretende baixar.

Fonte de anexo:  http://www.educacao.sp.gov.br/noticias/confira-dicas-de-sites-para-baixar-livros-gratuitamente

9 de jan de 2017

Atenção, professores! Abertas as inscrições para programa de bolsas de estudos no Japão


Categoria Inscrições seguem abertas até 24 de fevereiro; educadores podem passar até um ano e meio no país
Professores da rede interessados em aprofundar os conhecimentos na área da educação podem se inscrever para bolsas de treinamento oferecidos pelo Consulado Geral do Japão. As inscrições para cursos nas áreas de administração escolar, método educacional, estudo de disciplinas específicas (como matemática, física, química e educação física) e atividades práticas escolares, seguem abertas até 24 de fevereiro.
Para se inscrever e concorrer a uma das bolsas, o candidato deve ter 34 anos completos até o dia 1º de abril de 2017, curso de nível superior ou magistério, pelo menos 5 anos na função de professor de Ensino Fundamental ou Médio ou na área administrativa escolar e ter fluência em língua inglesa ou japonesa.
- Veja aqui o regulamento completo
As inscrições devem ser feitas presencialmente no Consulado Geral do Japão ou via correio (para esta segunda opção de inscrição, os documentos devem ser postados até 22 de fevereiro). Após a primeira etapa, os inscritos devem passar por duas etapas eliminatórias: uma prova escrita para testar os conhecimentos nas línguas inglesa e japonesa e uma entrevista presencial. A prova de japonês serve como nivelamento do curso de idiomas a ser feito nos primeiros seis meses.
O programa tem duração de um ano e meio e inclui bolsa-auxílio mensal, passagens e isenção das taxas escolares, com embarque está planejado para outubro deste ano.
Parcerias com o Japão
Parcerias entre a Educação do Estado e instituições japonesas não é novidade. Desde 2007, alunos do Ensino Fundamental matriculados em uma das 20 unidades que oferecem cursos de japonês nos Centros de Estudo de Línguas (CEL) podem participar do concurso Toyama. Parte do Festival de Arte e Cultura que acontece na Província de Toyama integra cultura, arte, teatro, dança e literatura em um mesmo lugar. Os desenhos dos estudantes selecionados integram a exposição.

Fonte de anexo:Aqui

3 de jan de 2017

Aberto período de transferência entre escolas da rede

Solicitação deve ser feita até 10 de janeiro em unidades de Ensino Fundamental e Médio
Saiba Mais
Está aberto o período de transferência para alunos já matriculados na rede estadual. Até o dia 10 de janeiro, estudantes que mudaram de endereço no último semestre ou têm preferência por uma unidade podem fazer a solicitação de “deslocamento”. A solicitação deve ser feita exclusivamente nas escolas de Ensino Fundamental e Ensino Médio de todo o Estado.
Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook
Para solicitar transferência, é necessário apresentar documento de identidade (RG ou certidão de nascimento) e comprovante de residência atual. Alunos menores de 18 anos devem estar acompanhados dos pais ou responsáveis. A aprovação é condicionada ao número de vagas por classe e ao ciclo atendido.
O resultado final será divulgado no fim do mês. Crianças, jovens e adultos que não estudaram em escolas estaduais em 2016 e querem ingressar na rede neste ano ainda podem efetuar a matrícula até o início das aulas em qualquer unidade de ensino mais próxima.
Início do ano letivo
O ano letivo de 2017 começa no dia 2 de fevereiro em todas as unidades de Ensino Fundamental, Médio e Educação de Jovens e Adultos (EJA). O encerramento do primeiro semestre está marcado para 28 de junho.

Fonte de anexo: aqui

1 de nov de 2016

Voluntários escola da família


Se você tem um projeto inovador em esporte, cultura, lazer, saúde e trabalho, você pode ser um voluntário do Programa Escola da Família. O projeto está presente em mais de 2 mil escolas da capital, região metropolitana e interior, promovendo atividades aos finais de semana.

Para se inscrever, basta comparecer a uma das escolas participantes e preencher uma ficha com RG e CPF e apresentar um projeto que queira realizar na unidade. Todo plano deve ser feito de acordo com as habilidades e competências e as necessidades da unidade escolar. Todas as atividades são supervisionadas pelos vice-diretores e professores coordenadores das diretorias.
Em 2016, o programa Escola da Família fechou o primeiro semestre com 960 mil atividades organizadas, mais de 17,5 milhões de participantes da comunidade e a presença de cerca de 8,9 mil voluntários.
No Escola da Família, a abertura das escolas, aos finais de semana, garante um espaço público que estimula a participação cidadã no desenvolvimento de atividades sociais, possibilita que a própria comunidade possa gerir-se e fomenta sua presença na construção e condução do programa, aliando forças entre a sociedade civil e o Poder Público.

Fonte de anexo:Aqui

Inscrição para o PEI- Programa de Ensino Integral

A partir desta segunda-feira (31), professores efetivos e estáveis da rede estadual interessados em dar aulas em unidades de tempo integral poderão se inscrever no sistema de reservas. No modelo da Secretaria da Educação de São Paulo, presente em 297 unidades de Ensino Fundamental e Médio, os educadores atuam em regime de dedicação exclusiva e têm direito à gratificação de 75% sobre o salário. A inscrição é online e vai até 8 de novembro.





Atençao: Link de inscrição quebrado ou desativado. Aguardando resposta da secretaria.






Fonte de anexo: http://www.educacao.sp.gov.br/noticias/professores-podem-se-inscrever-para-dar-aula-no-programa-de-ensino-integral

26 de set de 2016

http://www.webnetserver.com.br/parceirosdaeducacao/Default.aspx

O CONGRESSO DE BOAS PRÁTICAS EM SALA DE AULA

O Congresso de Boas Práticas em Sala de Aula, realizado pela Parceiros da Educação, acontece anualmente, com objetivo de reconhecer experiências de sucesso em sala de aula, das escolas parceiras, e compartilhá-las com educadores de todas as áreas do conhecimento. Um espaço de colaboração que oferece importantes reflexões sobre o impacto positivo da prática docente na aprendizagem dos alunos.

O 4º Congresso, realizado no ano passado foi um sucesso. Ao todo tivemos 141 projetos apresentados para mais de 750 Diretores, Coordenadores Pedagógicos e Professores. Durante todo o dia os educadores puderam compartilhar e trocar experiências entre si e saíram com muitas ideias e exemplos para replicar com seus alunos.

3 de set de 2016

Período de inscrições para atribuição de aulas começa nesta quinta-feira (1º)

Começa nesta quinta-feira (1º), o período de inscrições para o processo de atribuição de aulas do ano letivo de 2017. A inscrição deve ser feita por professores da rede estadual paulista efetivos e não efetivos por meio do sistema GDAE até o dia 2 de outubro. Os docentes com contrato celebrado em 2014, 2015 e 2016 também deverão se inscrever para a atribuição. mais aqui

17 de ago de 2016

Atribuição 2017



Dispõe sobre as inscrições do Processo de Atribuição de Classes e Aulas para o ano letivo de 2017
A Coordenadora de Gestão de Recursos Humanos, considerando a necessidade de estabelecer datas, prazos e diretrizes para as inscrições do processo de atribuição de classes e aulas, expede a presente Portaria:
Artigo 1º - As classes e as aulas das escolas da rede estadual de ensino, obedecida à legislação pertinente, serão atribuídas para o ano letivo de 2017 na seguinte conformidade:
I - docentes efetivos;
II - docentes estáveis pela Constituição Federal de 1988;
III - docentes celetistas;
IV - docentes com vínculo assegurado em lei, a que se refere o § 2º do artigo 2º da Lei Complementar 1. 010/2007;
V - docentes com contratos vigentes celebrados nos termos da Lei Complementar 1.093/2009 e suas alterações.
Artigo 2º - Os professores efetivos e não efetivos, assim como os docentes com contrato ativo celebrado em 2014, 2015 e 2016, deverão efetuar inscrição para o processo de atribuição de classes e aulas de 2017, diretamente no site: http://drhunet.edunet.sp.gov.br/portalnet/, no período disposto artigo 3º desta Portaria.
Artigo 3º - A Inscrição e Solicitação de Acertos ocorrerão no período de 01-09-2016 a 02-10-2016, como segue:
I - Docentes efetivos:
a) confirmação e/ou solicitação de acerto na inscrição;
b) indicação para Jornada de Trabalho Docente: manutenção, ampliação ou redução
b.1. o atendimento às jornadas indicadas ficarão condicionada à legislação vigente.
c) inscrição para atribuição de classes ou aulas nos termosdo artigo 22 da Lei Complementar 444/85;
d) opção para atuação em classes, turmas ou aulas deProjetos da Pasta.
II - Docentes - Categorias "P", "N" e "F":
a) confirmação e/ou solicitação de acerto na inscrição;
b) transferência de Diretoria de Ensino;
c) opção para atuação em classes, turmas ou aulas de Projetos da Pasta.
III - Docentes - Categorias "S":
a) confirmação e/ou solicitação de acerto na inscrição;
b) para esta categoria caberá inscrição exclusivamente para atuar em caráter eventual.
IV - Docentes com contratos ativos celebrados em 2014, 2015 e 2016, nos termos da LC 1093/2009 e suas alterações:
a) confirmação e solicitação de acerto de inscrição e indicações deverão ser realizadas no site http://drhunet.edunet.sp.gov.br/portalnet/;
b) para docentes com contratos ativos da Categoria "V"caberá inscrição exclusivamente para atuar em caráter eventual.
§ 1º: Os documentos comprobatórios relativos aos acertos solicitados de dados pessoais, e/ou formação curricular e/ou contagem de tempo, deverão ser entregues pelo docente naUnidade Escolar de classificação no prazo previsto no caput deste artigo, cabendo à Direção da Unidade Escolar, até às 18 horas do dia 10-10-2016:
a) no caso de docentes efetivos e não efetivos, proceder o acerto e em seguida, deferir ou indeferir a solicitação do docente.
b) no caso de docentes contratados nos termos da L.C. 1.093/2009.
b.1) proceder às atualizações quando se tratar de dados pessoais e/ou formação curricular e notificar à correção à Diretoria de Ensino.
b.2) quando se tratar de contagem de tempo, encaminhar a documentação pertinente à Diretoria de Ensino.
§ 2º - As Diretorias de Ensino deverão, até às 18 horas do dia 10-10-2016, deferir/indeferir as solicitações dos docentes efetivos e não efetivos, bem como proceder à atualização dos acertos requeridos e em seguida providenciar o deferimento ou o indeferimento da solicitação dos docentes contratados.
§ 3º - Após o atendimento à solicitação de acerto, ainda que indeferida, o docente deverá confirmar sua inscrição, até às 18 horas do dia 14-10-2016.
§ 4º- A responsabilidade da confirmação da inscrição é do próprio docente.
Artigo 4º - Esta Portaria entra em vigor na data de sua publicação.​

1 de ago de 2016


A Efap (Escola de Formação e Aperfeiçoamento de Professores) abre, nesta segunda-feira (1º), a segunda etapa das inscrições para sete cursos gratuitos sobre a plataforma Foco Aprendizagem. Diretores podem efetivar o interesse dos profissionais que trabalham na ... Leia Mais

29 de jan de 2016

Cursos de idiomas gratuitos retomam as aulas no próximo dia 15


A Educação definiu para 15 de fevereiro o início das aulas do primeiro semestre nos Centros de Estudos de Línguas (CEL). As aulas são gratuitas e as matrículas continuam abertas. Neste ano serão mais de 200 unidades abertas a estudantes do Ensino Fundamental, ... Leia Mais
Fonte de anexo: Secretaria da educação

22 de jan de 2016

Novo secretário da educação 2016

Professor José Renato Nalini é o novo secretário da Educação


O governador Geraldo Alckmin anunciou nesta sexta-feira (22) o desembargador e professor universitário José Renato Nalini para secretario da Secretaria de Estado da Educação. O anúncio foi feito em Santo Anastácio, região de Presidente Prudente, onde o governador cumpre agenda.
“O professor Nalini tem espírito público e é extremamente interessado nas questões da educação. É um homem do diálogo, da cultura, da Academia Paulista de Letras. Temos absoluta confiança de que vamos dar um grande passo para melhorar ainda mais a qualidade da escola pública de São Paulo em benefício dos nossos alunos”, afirmou Alckmin nesta manhã.
O governador agradeceu também o trabalho do professor Herman Voorwald e da professora Cleide Bochixio, que respondeu pela Secretaria da Educação nos últimos meses.
Nalini foi até o ano passado presidente do Tribunal de Justiça de São Paulo. Formado em Ciências Jurídicas e Sociais na Faculdade de Direito da PUC-Campinas, é mestre e doutor em Direito Constitucional pela Faculdade de Direito da USP.
Professor Nalini leciona desde 1969, quando começou no Instituto de Educação Experimental Jundiaí (atual E.E. Bispo Dom Gabriel Paulino Bueno Couto) dando aula de Sociologia em aperfeiçoamento para professores. Desde então, nunca mais deixou de dar aulas, como na Escola de Educação Física de Jundiaí, Faculdade de Engenharia de Barretos, Faculdades de Direito da PUC-Campinas, USP, Padre Anchieta, FAAP e Uninove.
É ainda especialista em formação, preparo, educação e seleção de juízes, tendo colaborado com a Escola Nacional de Formação e Aperfeiçoamento de Magistrados.
Nascido em Jundiaí (SP), trabalhou em diversas regiões do Estado em sua área de atuação. Foi promotor de Justiça em Votuporanga, Itu, São Paulo e Ubatuba antes de ingressar na magistratura. Como juiz, trabalhou em Barretos, Monte Azul Paulista, Itu, Jundiaí e São Paulo. Também foi juiz corregedor da Corregedoria Geral de Justiça do Estado.
Durante sua presidência no TJ-SP, Nalini fez parcerias importantes com o Governo do Estado de São Paulo, entre elas a que estabeleceu as audiências de custódia, que consistem na garantia da rápida apresentação do preso a um juiz nos casos de prisões em flagrante. O desembargador também foi responsável pela modernização do Judiciário paulista, através da informatização de procedimentos.
Ex-presidente da Academia Paulista de Letras, o novo secretário integra a Academia Paulista de Educação e a Academia Brasileira de Educação. É autor de livros como “Por que Filosofia?”, “Direitos que a Cidade Esqueceu”, “Pronto para Partir? Reflexões Jurídico-Filosóficas sobre a Morte”, “Recrutamento e Preparo de Magistrados”, “O Juiz e o Acesso à Justiça”, “Constituição e Estado Democrático”, “Ética e Justiça”, “Ética Geral e Profissional” e “Ética Ambiental”.


Fonte de anexo:  www.educacao.sp.gov.b

11 de jan de 2016

Sisu abre seleção para vagas em universidades de todo o Brasil

Os alunos da rede estadual que participaram da edição 2015 do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), já podem se inscrever nas 228 mil vagas de 131 instituições públicas de educação superior, oferecida pela primeira edição do Sistema de Seleção Unificada (Sisu ... Leia Mais

Sistema de ad.fly

  Querido  leitor! Ao clicar em um link pode aparecer essa imagem, fique tranquilo não é vírus!  Esperar 5 segundos e clique em Fechar propaganda na indicação do lado esquerdo superior.




10 de jan de 2016

Novo acordo ortográfico

Com o novo acordo ortográfico - Assembléia perde o acento. Agora é assembleia.  Leia mais

5 de jan de 2016

cronograma para atribuição de aulas 2016

A portaria que estabelece datas e locais para o processo está disponível para consulta
O cronograma para atribuição de aulas foi publicado nesta terça-feira (5) no Diário Oficial do Estado e já pode ser consultado. A partir do dia 1º de fevereiro começa o processo que define a carga horária de trabalho dos docentes da rede estadual.
- Clique aqui e consulte a portaria na íntegra
Na portaria publicada pela Coordenadoria de Recursos Humanos (CGRH), os professores poderão conferir as datas e horários em que deverão comparecer em suas escolas ou diretorias de ensino para a definição das aulas que irão lecionar no ano letivo de 2016.
Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook
Cronograma para atribuição de aulas 2016
No dia 1º de fevereiro, os docentes efetivos devem comparecer à unidade de ensino em que atuam para definir as aulas que irão lecionar neste ano letivo. Esses professores também poderão ampliar e suplementar a jornada de trabalho, no mesmo dia e na própria escola.
No dia 2, no período da manhã, os docentes efetivos, não atendidos, parcial ou integralmente, em suas escolas, deverão comparecer à diretoria de ensino para a composição da jornada de trabalho. Ainda no dia 22, no período da tarde, serão atendidos na diretoria de ensino, os professores efetivos não atendidos na unidade escolar, para a carga suplementar de trabalho.
No dia 3, no período da manhã, serão atendidos na diretoria de ensino, os professores efetivos inscritos pelo artigo 22 da Lei Complementar 444/1985. Para serem atendidos, esses docentes deverão apresentar sua classificação final, disponível no sistema GDAE.
A partir do dia 3 de fevereiro, conforme cronograma e horários definidos pelas diretorias de ensino, será realizada a atribuição para os docentes estáveis ocupantes de função atividade, celetistas e contratados. Os docentes devem ficar atentos aos locais, datas e orientações publicados na portaria que pode ser consultada aqui.

Fonte de anexo: Secretaria da Educação

28 de dez de 2015

Prorrogada a validade de concurso de professores por mais dois anos


Foi prorrogada por mais dois anos a validade do concurso realizado em 2013 pela Educação para a contratação de professores da categoria PEB II, que atuam nos Anos Finais do Ensino Fundamental e no Ensino Médio. A novidade foi publicada na última quarta-feira ( ... Leia Mais 

Fonte de anexo no leia mais.

27 de dez de 2015

Servidores da Educação podem solicitar autorização para licença sem vencimentos


Interessados com mais de cinco anos de exercício devem fazer o pedido até 31 de janeiro de 2016
Saiba Mais
Os servidores da rede estadual de São Paulo interessados em solicitar autorização para licença sem vencimentos podem fazer o pedido até o dia 31 de janeiro de 2016. O requerimento deve ser realizado por meio do sistema GDAE no item ‘Licença Artigo 202’, confirmar os dados que serão disponibilizados e o pedido no sistema online.

Para obter a licença, o servidor precisa ter mais de cinco anos de exercício. Caso a licença seja concedida, o profissional poderá se ausentar sem remuneração pelo prazo máximo de dois anos. As autorizações começarão a ser publicadas em Diário Oficial a partir do dia 12 de janeiro.

Os servidores que ainda não acessaram o sistema precisam obter o acesso previamente para realizar o cadastro. Após esse procedimento, devem inserir login e senha e confirmar os dados que serão disponibilizados para confirmar o pedido, que será processado.

Todos os critérios podem ser consultados no artigo 202 da Lei nº 10.261/68. Para esclarecer as dúvidas sobre a licença, os servidores podem procurar o gerente de organização escolar de suas respectivas escolas ou a diretoria de ensino.

Fonte de anexo:  http://www.educacao.sp.gov.br

Volta às aulas em 2016 está marcada para o dia 15 de fevereiro

Atenção, pais e alunos! As férias escolares estão começando, mas o retorno às aulas já tem data marcada. O ano letivo de 2016 terá início no dia 15 de fevereiro. Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Facebook Antes disso, aqueles que quiserem solicit ... Leia Mais 

Fonte de anexo: Secretaria da educação

17 de dez de 2015

Prorrogadas as inscriões para professores contratados em 2014



Os professores contratados em 2014 ainda podem se inscrever para o processo de atribuição de aulas do próximo ano. O cadastro está disponível no sistema GDAE e deve ser feito até às 18h de quarta-feira (16). Siga a Secretaria da Educação no Twitter e no Faceb ... Leia Mais 

Fonte de anexo: Secretaria da educação

26 de out de 2015

Cronograma de atribuição de aula para 2016

sábado, 24 de outubro de 2015 Diário Oficial Poder Executivo – Seção I São Paulo, 125 (199) – 39
Portaria CGRH-8, de 23-10-2015
Estabelece cronograma para a divulgação da classificação dos inscritos no processo inicial de atribuição de classes e aulas de 2016
A Coordenadora da Coordenadoria de Gestão de Recursos Humanos, considerando a necessidade de estabelecer datas e prazos para a divulgação da classificação dos inscritos, no referido processo, expede apresente Portaria:
Artigo 1º – A divulgação da classificação dos inscritos estará disponível, exclusivamente no endereço http://drhunet.edunet.sp.gov.br/Portalnet na seguinte conformidade:
  1. TitularesdeCargo:
  2. a) 05-11-2015 – divulgaçãodaclassificação na WEB, a partir das12 horas;
  3. b) 05 a 09-11-2015 – prazo para interposição de recursos no endereço eletrônico http://drhunet.edunet.sp.gov.br/Portalnet , até às 18 horas do dia 09-11-2015;
  4. c) 05 a 20-11-2015 – deferimento/indeferimento dos recursos no endereço acima pela DE;
  5. d) 18-12-2015 – divulgação da classificação intermediária para atendimento de movimentação dos docentes oriundos de escolas que aderiram ao Programa Ensino Integral 2015;
  6. e) 11-01-2016 – divulgação da Classificação Final pós recursos;
  7. f) 11-01-2016 – divulgação da Classificação – Artigo 22.
  8. Docentes das Categorias P, N, F:
  9. a) 05-11-2015 – divulgação da classificação na WEB, a partir das12 horas;
  10. b) 05 a 09-11-2015 – prazo para interposição de recursos, no endereço http://drhunet.edunet.sp.gov.br/Portalnet, até às 18 horas do dia 09-11-2015;
  11. c) 05 a 20-11-2015 – deferimento/indeferimento dos recursos no endereço acima pela DE;
  12. d) 18-12-2015 – divulgação da classificação intermediária para atendimento de movimentação dos docentes oriundos de escolas que aderiram ao Programa Ensino Integral 2016;
  13. e) 11-01-2016 – divulgação da Classificação Final pós recursos.
III. Docentes da Categoria O com contratos celebrados em 2015:
  1. a) 05-11-2015 – divulgação da classificação na WEB, a partir das12 horas;
  2. b) 05 a 09-11-2015 – prazo para interposição de recursos, no endereço http://drhunet.edunet.sp.gov.br/Portalnet, até às 18 horas do dia 09-11-2015;
  3. c) 05 a 20-11-2015 – deferimento/indeferimento dos recursos no endereço acima pela DE;
  4. d) 11-01-2016 – divulgação da classificação Final pós recursos.
  5. Docentes Candidatos à Contratação – remanescentes do Concurso Público PEB-II de 2013:
  6. a) 15-01-2016 – divulgação da classificação na WEB, a partir das12 horas;
  7. Docentes Candidatos à Contratação – remanescentes do Concurso Público PEB-I de 2015:
  8. a) 15-01-2016 – divulgação da classificação na WEB, a partir das12 horas;
Artigo 2º – Os docentes Titulares de Cargo, Docentes das Categorias P, N, F, O com contratos celebrados em 2015, poderão interpor recurso referente à pontuação, habilitação/qualificação e dados pessoais, devendo apresentar documentação comprobatória na Diretoria de Ensino.
Parágrafo único – Os recursos solicitados e não fundamentados serão indeferidos pela Diretoria de Ensino.
Artigo 3º – O aluno de último ano inscrito no Processo de Atribuição de Classes/Aulas para o ano letivo de 2016, poderá no período de 04 a 06-01-2016 entregar, na Diretoria de Ensino de inscrição, documentos comprobatórios de conclusão do Curso, Diploma e/ou Certificado de conclusão, exceto o aluno de último ano do Curso de Educação Física que somente poderá comprovar a conclusão do Curso mediante Diploma e credenciamento no Conselho Regional de Educação Física – CREF.
Artigo 4º – A Diretoria de Ensino deverá registrar a atualização dos docentes mencionados no artigo 3.º, no sistema GDAE, Contagem de Tempo (para pontuação) e Formação Curricular (para habilitação/qualificação), no sistema PAEC/PAEF (para dados pessoais), no período de 04 a 08-01-2016, para fins de classificação.
Artigo 5º – Esta Portaria entrará em vigor na data de sua publicação.

Pais ja podem matricular seus filhos

Os interessados em estudar na rede estadual paulista em 2016 já podem efetuar a matrícula antecipada. Para fazer a inscrição antecipada é necessário que o responsável se dirija a uma escola e forneça dados do estudante como comprovante de residência e certidão de nascimento. Há vagas em todas as regiões do Estado para classes do Ensino Fundamental (1º ao 9º ano) e Ensino Médio, além da Educação de Jovens e Adultos (EJA).

As inscrições dos novos alunos na rede estadual seguem até o dia 13 de novembro, quando haverá atualização dos novos matriculados. No dia 14 de dezembro, as matrículas reabrem novamente e ficarão disponíveis durante o ano de 2016. O sistema de cadastro da rede estadual de São Paulo respeita os critérios de proximidade entre a escola e a residência dos alunos. Por isso, é importante que os dados fornecidos às unidades estejam atualizados.
O cadastro é unificado e é valido para alunos que estão fora do sistema público, seja estadual ou municipal, e querem ingressar em uma escola no próximo ano. A matrícula é automática aos alunos que já frequentam as unidades de ensino estaduais ou municipais de São Paulo e querem dar continuidade aos estudos na rede pública.
Também é automático o cadastramento de crianças com idade mínima de seis anos completos que cursaram a pré-escola pública. Nesses casos, a inclusão é feita no 1º ano do Ensino Fundamental, mediante a consulta aos responsáveis e atualização do endereço residencial.
Educação de Jovens e Adultos (EJA)
Os jovens e adultos que ainda não concluíram os estudos e querem retornar para as salas de aula em 2016 já podem fazer a matrícula. Para isso, é preciso ficar atento aos pré-requisitos regulamentados pela Educação paulista em 2015. Saiba mais aqui.

Reorganização
O Estado de São Paulo passa por uma reorganização de sua rede que não afeta o número de vagas oferecidas. Para isso, será implementado um plano que tem como principal foco otimizar as escolas nos ciclos por aluno, ou seja, colocando, quando possível, alunos de 6 e 7 anos e de 15, 16 e 17 anos em escolas preparadas especialmente para cada público.

Estimativas prévias da secretaria apontam que é possível crescer em 30% o número de escolas com um só ciclo de ensino (do 1º ao 5º ano, do 6º ao 9º ano ou médio). Em muitas outras haverá uma organização para se ter os dois ciclos do fundamental.

Para auxiliar nessa readequação de escolas, a Educação está recadastrando os alunos que já estão na rede, para garantir que as crianças e adolescentes estudem próximas as suas residências. No endereço www.atualizeseusdados.educacao.sp.gov.br pais e estudantes poderão conferir as informações e, quando necessário, fazer as alterações.

Fonte de anexo:  http://www.educacao.sp.gov.br